Como organizar as ideias cuidando da casa

Tenho essa teoria há tempos: cuidar da casa para organizar as idéias. Os métodos, você escolhe. Tem gente que consegue pensar melhor enquanto passa o aspirador nos tapetes. Outras refrescam os pensamentos batendo um bolo. Lavar louça é outra terapia doméstica de efeito avassalador. Ok, você pensar: “essa mulher é louca”. Talvez. Mas esse tipo de loucura já me salvou em muitos momentos de dúvida ou de nervos à flor da pele. Tarefas braçais são, historicamente, muito boas para relaxar a mente. Se você pode correr no parque e ter muitas idéias, por que não tentar o mesmo dentro de seus próprios domínios? Outro dia mesmo estava em um daqueles momentos em que você senta na frente do computador e simplesmente não consegue racionar. Uma página em branco se abre e você não consegue sequer iniciar uma frase, concatenar decentemente um raciocínio, por mais simples que ele seja. Fui lavar louça. Detergente na esponja, uma pilha de pratos a serem lavados. Atividade braçal, lembra? Passados dez minutos (eu já estava enxugando os pratos) e já me senti um tantinho mais dona dos meus pensamentos. Enquanto arrumava xícaras e pires nas prateleiras, a sensação de prazer ganhava força. Ao guardar o último garfo na gaveta, parecia que havia me livrado de uma nuvem negra. Pensamentos limpos, devidamente organizados. Sentei à frente do computador novamente, desta vez com a segurança de saber o que escrever. Em outra ocasião, entrevistei uma moça que chegava estafada do trabalho (do qual gostava muito, que fique aqui registrado) e, para voltar a si, entrar no ritmo da casa e do descanso merecido, cozinhava. Preparava comidinhas deliciosas para ela e o marido. Tinha o costume de iniciar os trabalhos com uma taça de vinho. Entre um golinho e outro, lavava verduras, temperava a carne, picava legumes. Em alguns minutos, o ritmo agitado do dia ia ganhando tons mais amenos. Quando sentava à mesa, era outra pessoa. Pronta para colocar as novidades em dia e, depois, terminar o dia descansada verdadeiramente. O seu método de relaxamento pode ser outro. Cortar grama no sábado de manhã, arrumar a caixa de ferramentas, pintar paredes, mudar a disposição dos móveis a cada mês, projetar melhorias que irão deixar seu dia-a-dia mais feliz. O importante é experimentar!!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fale com a gente