Dia dos Namorados: cuidado com as compras online

Consultor aponta os 5 erros mais graves do internauta nessas compras

O Dia dos Namorados é uma das datas mais importantes do varejo. Nos Estados Unidos, onde o “Valentine’s Day” é comemorado em 14 de fevereiro, houve um crescimento médio de 40% nas vendas pela internet. No Reino Unido, a data elevou em 47% a venda de calçados, 43% de acessórios e 32% de lingeries, com relação ao ano passado. No Brasil, também se espera que o 12 de junho seja responsável por um aumento de 40% nas vendas online. Mas toda essa movimentação esperada na internet, quando os apaixonados vão atrás de boas ideias e pesquisam preços em um sem-número de lojas virtuais até fechar o pedido, exige prudência em dobro. De acordo com Adriano Filadoro, consultor e diretor de tecnologia da Online Brasil, “o entusiasmo que paira no ar às vésperas dessas grandes datas pode facilitar a transmissão de vírus, a instalação de spywares para roubar os dados pessoais do usuário, worms para copiar dados financeiros, ou ainda cavalos de tróia (trojans)”. Filadoro aponta os cinco erros mais graves do internauta e dá dicas para se evitar o pior às vésperas da data mais romântica do ano: Negligência – “Antes de se pôr a pesquisar presentes para sua cara metade, certifique-se de que seu computador tenha um bom antispam, um antivírus e um firewall ativado – essa ferramenta controla o fluxo de informações que entram e saem de cada computador pertencente à rede”. Ociosidade – “Nada de ficar zanzando de um site para outro sem ter certeza de que se trata de ambiente seguro. Em busca das melhores promoções ou das ‘oportunidades imperdíveis’, muita gente acaba tendo todos os seus dados sigilosos clonados, para dizer o mínimo”. Curiosidade – “Quando a curiosidade não é vigiada pelo bom senso, algumas pessoas cedem à tentação de abrir e-mails que trazem fotos atraentes e vídeomensagens que podem levar à completa destruição dos dados. Redobre a atenção nesta época e resista à tentação de passar adiante mais uma belíssima imagem a dois. Existem verdadeiras quadrilhas dispostas a explorar as fraquezas dos outros e carregar programas de invasão que se instalam de forma sorrateira no computador, roubando senhas e dados confidenciais”. Ingenuidade – “Ingênua, neste caso, é aquela pessoa que, de tão apaixonada, acaba ficando desatenta e deixa de prestar atenção aos e-mails que recebe, sem desconfiar quando o e-mail de um ‘suposto’ conhecido começa a enviar seguidamente flores virtuais ou cartões enamorados. Há mecanismos que se apropriam da sua lista de endereços para enviar vírus aos seus conhecidos. Cuidado”. Falta de profissionalismo – “Toda empresa, hoje em dia, cria suas próprias regras de acesso à internet. Procure conhecer o código de ética da instituição em que trabalha e seguir fielmente suas diretrizes. Muitos crackers se valem da falta de profissionalismo das pessoas para invadir o espaço virtual da empresa e roubar códigos de acesso, senhas e dados bancários, entre outros. Certamente, as consequências podem ser fatais tanto para a empresa quanto para você”.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Cadastre-se e receba mais informações sobre o lançamento!!

 

 

Fale com a gente