Pandemia influencia na procura por imóveis e bairros onde morar?

Pandemia influencia na procura por imóveis e bairros onde morar?

De acordo com pesquisa feita pelo Quinto Andar, casas maiores e áreas mais afastadas dos grandes centros são as mais procuradas em Belo Horizonte.

Uma pesquisa feita pela imobiliária digital Quinto Andar aponta para aumento de cerca de 15% na procura por um novo lar, em Belo Horizonte, dado baseado na comparação entre os dois últimos trimestres do ano. Ou seja, mais pessoas apresentaram, durante a pandemia, o desejo de se mudarem da casa, prédio ou condomínio que moravam.
Isso porque, segundo o gerente-executivo de estratégia do QuintoAndar, Arthur Malcon, o isolamento social interferiu na tendência de pensamento e visão das pessoas, em geral, pelo lar no qual habitam. Por isso, esse aumento pode ser percebido como uma ilustração da busca por um espaço maior, já que, de acordo com o gerente-executivo, a busca por locais maiores, com três ou mais quartos, também se elevou. “As pessoas estão passando mais tempo em casa, o que faz com que elas repensem e transformem a relação com esse espaço.”
Além disso, Arthur destaca que alguns outros aspectos do distanciamento podem interferir neste processo, visto que houve uma necessidade de que o trabalho se tornasse remoto, fazendo com que as pessoas busquem por imóveis com um espaço capaz de ser destinado ao home office, por exemplo. Ainda, pelo maior tempo ocioso em casa, há quem busque por mais entretenimento
“Lidamos com milhares de clientes e cada um tem uma história e uma razão diferente. Porém, neste contexto de pandemia e com a ampliação do home office por muitas empresas, temos ouvido de algumas pessoas que elas identificaram que precisavam de um espaço maior para montar um escritório. Já outras optaram por trocar o apartamento por uma casa para ter um jardim ou um espaço de lazer, com uma churrasqueira”,
Arthur Malcon, gerente-executivo de estratégia do QuintoAndar - QuintoAndar/DivulgaçãoArthur Malcon, gerente-executivo de estratégia do QuintoAndar

Mais números

Outro ponto percebido pela pesquisa foi o aumento da procura por bairros mais afastados da região central. No intervalo avaliado, ou seja, nos dois últimos trimestres, os bairros mais buscados na plataforma do QuintoAndar foram Ouro Preto (+ 24%), Buritis ( 20%) e Cidade Nova ( 18%). No sentido oposto, os bairros com queda nas buscas foram Funcionários (-18%), Santa Efigênia (-17%) e Sagrada Família (-15%).
As preferências passaram a ser, também, por imóveis como casas ou casa em condomínios, ambas com aumento de 15%. Enquanto isso, a procura por apartamentos e kitnets, caiu 4% e 15%, respectivamente. Além disso, no âmbito de contratos fechados, as casas em condomínio tiveram aumento de 115%. Já as kitnets não registraram bons números, com queda de 17% nas compras e/ou aluguéis feitos.
* Estagiária sob a supervisão da editora Teresa Caram

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Cadastre-se e receba mais informações sobre o lançamento!!

 

 

Fale com a gente