Uma volta por BH: Local de futuro promissor

Júnia Leticia – Estado de Minas Construção da Cidade Administrativa elevou o valor de imóveis e terrenos no Serra Verde e pode ser um marco no desenvolvimento da área, localizada na Região de Venda Nova
Fotos: Eduardo Almeida/RA Studio
Localizado na Região de Venda Nova, o Bairro Serra Verde tem tido cada vez mais destaque depois da construção da Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, na MG-010. A região, que surgiu na década de 1980 com intensa oferta de lotes populares, agora está sob a perspectiva de vivenciar mais desenvolvimento e progresso, com ampla valorização dos imóveis já construídos e dos terrenos ainda disponíveis. Morador do Serra Verde desde 1982, o aposentado João Orlando de Souza percebe as mudanças. Uma delas foi o aumento do fluxo de veículos na região. “O movimento aumentou muito depois da instalação da administração do governo estadual aqui. Antes, dava para atravessar a Avenida Leontino Francisco Alves sem enfrentar trânsito quase nenhum”, comenta o aposentado, fazendo referência a uma das vias do bairro. O rápido progresso ainda assusta João Orlando Souza. Afinal, há menos de três décadas, o bairro não dispunha de serviços de infraestrutura suficientes para atender à população, que crescia acompanhando as obras de conjuntos habitacionais na região, como o Serra Verde, criado a partir de um convênio da Prefeitura de Belo Horizonte com a Companhia de Habilitação do Estado (Cohab). Leia mais:
 
Surgimento de prédios no local cresceu desde que a notícia de transferência da sede do governo foi confirmada. O aposentado João Orlando de Souza confirma o maior movimento

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fale com a gente